Donate
login

Informs PHI

Stories of the month

Linha, agulha e diploma são liberdade para mulheres vítimas de violência

Não bastasse a emoção de vestir uma beca e receber o canudo na formatura do Curso de Corte e Costura da ACIESP – Associação de Capacitação e Instrução de Economia Solidária do Povo, elas desfilaram, para um público de 380 pessoas, lindos vestidos criados por elas mesmas. São 25 mulheres que foram vítimas de violência doméstica acolhidas pela organização de Campo Grande (MS), que oferece apoio psicológico, cursos profissionalizantes e encaminhamento ao mercado de trabalho.

O evento foi realizado no mês passado pelo Shopping Bosque dos Ipês na área de exposições. Ceureci Ramos, a fundadora da ACIESP, que sofreu violência num casamento por 19 anos, conta que o superintendente do shopping, Adriano Passos, se emocionou ao ouvir sua história. A mãe dele, Dona Zita, havia vivido uma trajetória semelhante. Na solenidade, além dos acontecimentos marcantes, uma surpresa: a administração do shopping cedeu, por um ano, uma loja para as formandas:

“Nessa loja, elas poderão oferecer seus serviços de costureiras. É um mix de serviços que nós ainda não temos, então estamos unindo o útil ao agradável, dando esse espaço para que elas possam empreender e ser de fato independentes”, disse Adriano.

Para fazerem o desfile, as formandas fizeram um treinamento de passarela com a Miss Mato Grosso do Sul. No dia do evento, todas ganharam penteados e maquiagem. Além disso, a formatura foi seguida de um coquetel – tudo com apoio de parceiros. Um dia inesquecível para mulheres empoderadas que conseguiram romper com um ciclo de agressões e ganhar uma nova perspectiva de vida.

“São muitas portas que estão se abrindo para nós. A loja está passando por uma reforma, com todos os custos por conta do shopping e, em junho será inaugurada. Para homenagear o Adriano, que tanto nos ajudou, o nome será o de sua mãe, Dona Zita”, conta Ceureci. “Além disso, o Fórum da cidade nos procurou e vai nos ajudar a construir uma casa de acolhimento para as mulheres vítimas de violência que não têm onde morar. Isso mostra que não estamos sozinhas. Juntas, somos invencíveis. Mulheres que ainda não conseguiram se libertar precisam saber que suas vidas têm valor e pedir socorro”.

A ACIESP é uma das organizações participantes do Projeto (Re)Conquista – programa de qualificação de ONGs para atuar com capacitação profissional e empreendedora de populações vulneráveis, lançado em parceria por Banco da Providência, Stone Impacta e Instituto Phi. Essa foi a formatura da primeira turma da ACIESP formada pela equipe com o selo (Re)Conquista.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

MAIS DO INFORMA PHI

Our Network

Investimento social corporativo brasileiro

Articles and interviews

Apoio Phi para a formalização: luta pela visibilidade dos catadores de caranguejo ganha força

Stories of the month

Uma reviravolta na vida de Rebeka

Opportunities

Desafio Fundo Catalisador 2030

Livros & Filmes

Torto Arado

Our Network

Como as ONGs podem apoiar as empresas nas metas ESG
English (UK)
Created and developed by Refinaria DesignUpdated by Sense Design.